Etiquetas

, , , , , , , , , ,

day

Autodiscipline-se!!!
Perder peso, perder aquela barriguinha, acabar com a celulite (o mais difícil), deixar de sentir a massa muscular como se de uma gelatina se tratasse, tornear aqui ou ali, não é tarefa fácil. Se fosse fácil, talvez ninguém fosse gordo. E comer, é sem dúvida um enorme prazer… Não há uma via rápida para a perda de peso mas não é necessário haver sofrimento, fome, dietas muito restritivas, dietas da sopa, da berinjela, do limão… para se ter um corpo saudável.
O mais importante é criar hábitos e depois mantê-los… autodisciplinar-nos! Somos todos uns “bichos” de hábitos, o mais difícil serão sempre os primeiros dias quando começa a alterar o seu estilo de vida, a adaptar-ser a uma alimentação saudável (não quer dizer dietas, nem passar fome) e começar a praticar exercício físico regularmente. Depois de hábitos criados e de ver resultados no seu corpo, melhorias no seu bem-estar, já não voltará atrás e manterá o estilo de vida mais saudável.
As regras básicas para uma alimentação saudável já toda a gente sabe, mas nunca é demais referir algumas:

– Comer sempre um bom pequeno almoço: com uma boa fonte proteica (iogurte, queijo, leite, bebida de soja), de fibras, vitaminas e minerais (pão escuro, frutos secos, flocos de aveia, fruta) – dê largas à sua imaginação na confeção desta refeição. É a refeição mais importante, a primeira do dia, depois de muitas horas em jejum, portanto é necessário um aporte calórico de qualidade para a execução das tarefas diárias, ela ajuda-nos na boa disposição, num rendimento cognitivo superior, no controlo da fome e na diminuição dos desejos por comida muito calórica no resto do dia. Estudos recentes indicam que se comer sobremesas ao pequeno-almoço ajuda a estabilizar os níveis de ansiedade e a controlar o apetite não contribuindo para o aumento de peso!!!
– Fazer pequenas refeições a cada 3 horas para não sentir fome, as porções de comida vão diminuindo aos poucos e o peso também.
– Começar as principais refeições com um prato de sopa de legumes (com pouca ou nenhuma batata).
Equilibrar a quantidade de comida do seu prato principal.
ex.prato
Mastigar devagar e fazer pausas entre cada garfada (“depressa e bem, não há quem”).
– Comer diariamente frutas (poderá optar por incluí-las a meio da manhã ou da tarde) e legumes.
Restrinjir o consumo de alimentos pré-confecionados, fritos e assados com muita gordura.
– Beber água/chás sem açúcar diariamente, as necessidades variam de pessoa para pessoa, esteja atento à cor da sua urina:
cor urina
– Combater o sedentarismo – Nós não somos feitos para estarmos parados! Mexa-se pela sua saúde!
exercicio

Devemos comer sempre em consonância com as nossas reais necessidades (para saber quais são as suas necessidades energéticas diárias, pode consultar um nutricionista) mas com desnecessário sofrimento. Faça as suas escolhas:
pão

sopa.piza
Como é sabido, a perda de peso só se faz à custa de um défice calórico (não é deixar de comer) mas, a vida não deve ser vivida com dietas e mais dietas, produtos e mais produtos que dizem ser milagrosos, um rol de promessas no início de cada ano, etc, etc… Equilibre a sua balança diária:
balança
Quando ingerimos doces ou fritos devemos ter prazer, sem culpas, sem medo de comer, ingerir estes alimentos de vez em quando (1 refeição/semana) nunca fez mal a ninguém… Adira a um estilo de vida saudável, os resultados não são de um dia para o outro mas depois irão manter-se por muito muito tempo. Não é fácil mudar os velhos e maus hábitos, mas é possível. A mudança não tem que ser “tudo ou nada”. Pode ser um passo de cada vez.

perfect

Advertisements